Auto-estima: gosta de si?

Auto-estima: gosta de si?

 

Se eu lhe pedir para falar de si como se descreve? Dir-me-á como se chama, que idade tem, qual a sua profissão, onde vive.

Numa primeira instância não me irá dizer com facilidade o que mais valoriza em si, o que menos lhe agrada, o que vê quando se olha ao espelho ou do que se orgulha de ter feito. Talvez porque nunca tenha parado muito tempo para pensar em todos estes aspetos. Talvez porque a correria do dia-a-dia não permita olhar para si e para o seu interior.

Muitas vezes, quando pergunto a um paciente se gosta de si, a resposta sai como que envolta num grande ponto de interrogação. Nem todos gostam deles e nem todos conseguem perceber o que podem fazer para melhorar a sua auto-estima. Ouvimos falar deste conceito mas nem sempre sabemos do que se trata. De uma forma simples, a auto-estima surge do modo como nos vemos e apreciamos, bem como o quanto acreditamos em nós e na nossa capacidade para lidar com diversas situações, enfrentar desafios e obter resultados. Significa auto-confiança, auto-respeito e auto-aceitação.

A auto-estima começa a construir-se na nossa infância. Quanto mais nos amarem, respeitarem, valorizarem, incentivarem a realizar diferentes atividades e a correr atrás do que nos faz felizes, melhores e maiores, serão os pilares de sustentação de uma boa auto-estima.

As pessoas com baixa auto-estima têm uma identidade distorcida, desconhecem as suas verdadeiras qualidades e supervalorizam os seus defeitos. Aliás, na maior parte das vezes definem o seu valor com base na apreciação que os outros possam fazer de si.

Deixarei aqui algumas dicas para melhorar e manter uma auto-estima saudável:

– Conheça-se melhor! Faça uma lista das coisas que sabe fazer bem. Descubra quais são os seus talentos e qualidades.

– Aprenda a gostar de si! Deixe de se comparar com os outros, você é único, aceite e faça valer essa diferença.

– Valorize a sua opinião! Não deixe que a opinião dos outros bloqueie os seus projetos.

– Acredite mais em si e no seu potencial! Aja de acordo com o que gostaria de ser e ter.

– Cuide de si! Invista mais tempo em si mesmo.

 

  • Vera Silva Santos, Colunista Especializada

    Vera Silva Santos

    Vera Silva Santos

Psicóloga

www.verasilvasantos.webnode.pt

 

Share