• Home »
  • Agenda »
  • Concurso, Bordado de Castelo Branco em parceria com Buchinho e Alexandra Moura
Concurso, Bordado de Castelo Branco em parceria com Buchinho e Alexandra Moura

Concurso, Bordado de Castelo Branco em parceria com Buchinho e Alexandra Moura

Concurso para designers diplomados há menos de seis anos e  alunos das cinco escolas superiores de Design.

A Câmara de Castelo Branco vai promover um concurso junto dos alunos das cinco escolas superiores de Design e de designers diplomados há menos de seis anos, no qual os participantes têm de aplicar nos seus produtos (vestuário, calçado e acessórios) os bordados desta região.

Os vencedores, designadamente os do vestuário, irão ver depois os seus trabalhos no desfile das coleções de dois estilistas nacionais de referência, que irá ocorrer em Junho próximo, precisamente com peças confecionadas com os materiais que são a essência dos bordados de Castelo Branco: o linho, a seda e os pontos do próprio bordado.

No ano passado, os estilistas convidados para apresentar coleções foram Luís Buchinho e Alexandra Moura.

Buchinho, de resto, apresentaria posteriormente noutros desfiles dois vestidos com a matriz dos bordados de Castelo Branco.

Esta iniciativa da câmara local, que há sete anos apoia a Associação de Bordadeiras de Castelo Branco, destina-se precisamente não só a valorizar este produto, mas sobretudo a não o deixar morrer. Da dita associação fazem atualmente parte apenas seis bordadeiras.

Durante vários anos, o Museu Francisco Tavares Proença Júnior, também de Castelo Branco, tinha uma oficina com bordadeiras, mas o número reduziu-se com os anos, o levou a câmara local a criar esta nova associação de bordadeiras.

Enquanto aguarda pela certificação deste produto, tanto a autarquia local como a Escola Superior de Design de Castelo Branco têm tentado manter acesa a chama. Daí a realização dos desfiles de estilistas e agora este concurso a nível nacional.

O ex-libris dos bordados desta região é a colcha, uma peça em que o linho é o suporte e os desenhos são feitos com fio de seda natural.

Uma colcha custa entre 20 mil a 25 mil euros.

Não!O valor não está errado.

Uma colcha ocupa cinco bordeiras a tempo inteiro durante seis a sete meses de trabalho.
Fonte: T Jornal

Share